Relatório de Atividades – ABRIL/2011

 

 GT Pesquisa

 

dia 1º de abril

 

Coordenação/realização dos preparativos para a ManiFestAção em Defesa da Fonte:

- comunicações/autorizações da Subprefeitura, CET, Polícia, Bombeiros

- busca de apoio para palco, som, luz, camarim e banheiros químicos, lanches, água e barracas

- divulgação

 

dias 02 e 03 de abril (sábado e domingo)

 

Preparação do dossiê para abordagens/encaminhamentos dos seguintes temas:

Muro ilegal; loteamento ilegal; e, Criação do Parque da Fonte.

 

Início da peregrinação às casa próximas ao local do evento para que os vizinhos sejam comunicados das propostas da ManiFestAção e possam se preparar para o evento.

 

dia 04 de abril

 

10 hs – Realização da prestação de contas dos meses fevereiro e março – Ciça, Nelson, Vani e Roberta

 

14hs – Reunião com o grupo de teatro para discussão de conceitos, fatos e períodos da história.

Presentes: ciça, bene, vani, laureatti, paulo, mauro, mariana, caco, roberta, dinho e nelson

 

17hs – Reportagem Catraca Livre/TVuol – os repórteres chegaram na rua da Fonte, fim de tarde, e não conseguiram chegar até a Fonte (o estreito portão instalado no “muro” estava fechado). Depois de algumas filmagens, vieram para nossa sede onde o grupo de teatro ainda estava reunido. A este grupo somou-se a presença dos artistas Nasi e Tião Carvalho. Vários dos presentes foram entrevistados e o resultado pode ser visto em

http://tvuol.uol.com.br/#view/id=show-no-morro-do-querosene-em-defesa-da-chcara-da-fonte-04028C19346CD8810326/mediaId=10066422/date=2011-04-06&&list/type=user/codProfile=gsjzr52bxygc/

 

19h30 – Reunião com a comunidade que voluntariamente ajudará no evento da ManiFestAção.

 

dia 6 de abril

 

entrevista para a revista época, publicada em

http://revistaepocasp.globo.com/Revista/Epoca/SP/0,,EMI224507-16296,00.html

 

dia 7 de abril

 

reportagem feita pela TVGlobo para o noticiário SPTV

Os repórteres chegaram na Rua da Fonte e também não conseguiram passar do portão. Muitas pessoas da comunidade estavam reunidas para recebê-los, entre elas, Nasi, Tião Carvalho, Dinho Nascimento, João Nascimento, Ricardo Peixe, Mauro Carota, Benê e muitos outros, na maioria músicos. A equipe de reportagem queria fazer uma tomada que mostrasse o grupo tocando e cantando e também mostrasse a água, ou pelos menos, a vegetação da chácara. Procura ângulo de cá e de lá, aparece um vizinho que oferece a lage de sua casa lindeira à chácara. Fomos para lá, um estúdio de cenografia. A filmagem ficou ótima. E ainda ganhamos um local para usar como apoio no dia da ManiFestAção.

 

Dia 08/04

Edson Lima há anos divulga nossos eventos através do seu boletim “O Autor na Praça”. Divulgou nossa ManiFestAção e recebeu este email de volta:

 

Prezado Edson

O Arnaldo é nosso correspondente e Embaixador do Brasil na Coreia do Norte. Atualmente está em Pequim (Beijing) em missão diplomática.

Abraço

Castor

 

From: Arnaldo Carrilho

 

Aquelas três fontes, uma de água mineral jorrando e perdendo-se num bueiro, com rua de acesso bloqueada, é o retrato de tanta estupidez humana com que nos deparamos em todos os extratos de uma sociedade que dá mostras de ausentar-se de um mínimo de raciocínio cívico. É preciso dizer àquela gente que são poucos os países cuja natureza apresenta essa riqueza natural de todos e para todos. É ponto de saúde para consumidores e de elevação do nível de qualidade de vida, mediante a exploração do negócio, mediante uma cooperativa.

 

Após testes de qualidade, essa água mineral teria de ser explorada, engarrafada e vendida,  renda auferida a ser definida em obras necessárias, um Centro Cultural, uma escola de artes do espetáculo e de educação técnica voltada a essas manifestações. Recorram ao Oscar Niemeyer, que ele se presta a fazer o traçado gratuitamente, para a comunidade do Querosene. Em julho, deverei ter ao Rio e ajudá-los no intento, graças à  amizade que mantenho como o centenário mestre da nossa arquitetura.

 

 

dia 9 de abril, sábado

 

Preparativos finais, preparação da canjica, compra de frutas, sucos, sanduíches, lâmpadas, fios de eletricidade, colocação do palco e das barracas, o corre-corre foi geral. Da Rua da Fonte foi necessário retirar um velho caminhão ali abandonado. Preparamos uma barraca cultural com informes, fotos, abaixo-assinados para a criação do Parque da Fonte e do Parque da Chácara do Jockey.

 

dia 10 de abril, domingo, o grande dia, dia da ManiFestAção em Defesa da Fonte

 

Logo cedo, o movimento se inicia. Já na casa de apoio, quando nossa equipe preparava os lanches para o camarim, o mural para a barraca da cultura e outras providências, chegaram 3 sujeitos aparentemente armados, perguntando se iríamos derrubar o muro. A Roberta se antecipa respondendo que não estávamos ali para derrubar muro mas sim para defender a fonte. O diálogo com os sujeitos torna-se amigável, os tais sujeitos vão permanecer, durante todo o dia, ao lado do estreito portão que é deixado aberto durante todo o evento.

Chegam os capoeiristas e integrantes da Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene e, já que o portão estava aberto, resolvem fazer o ritual de abertura junto da Fonte. O ar filtrando entre as árvores, às 10hs, uma linda manhã de sol. Dinho Nascimento fala suas palavras refletindo sobre o movimento, dando as boas-vindas e desejando bom evento a todos. César Cayom, que veio de Minas Gerais especialmente para este evento, começa a tocar seu didgeridôo, instrumento dos aborígenes australianos que se parece com um grande flauta de madeira. O som é grave, profundo.  Os berimbaus começam a acompanhá-lo, a mesma seriedade. Jorge Fofão, vestido e pintado de índio, começa a dançar e cantar: “A Terra é nossa mãe, precisamos cuidar dela”. A emoção é forte, as lágrimas rolam.

Saímos da Fonte em cortejo, fomos para o local do palco e foi dado início à programação.

 

Pelo palco, som, luz, camarim e banheiros químicos, queremos agradecer à SVMA, mais diretamente ao Sr. Secretario Eduardo Jorge. E também à Sra Helena Magoso, que assessorou esta conversação.

 

Pela água, agradecemos à SABESP, especialmente a pessoa de Beth Pina.

 

Pelo lanche aos artistas e produção do evento, agradecemos aos comerciantes locais: Padaria Estrela do Butantã e Supermercados Padrão.

 

Pelos cartazes e filipetas, à Escola Decisão. Pela divulgação, ao Autor na Praça e à Ecos do Meio.

 

Compareceram ao evento mais de 2.000 pessoas, destas mais de 600 assinaram o abaixo-assinado pela criação do Parque da Fonte e mais de 400, o abaixo-assinado a favor do Parque do Pequeninos (Chácara do Jockey). Na barraca cultural, o movimento foi intenso. Muitas lideranças de movimentos sociais e vários políticos. Várias câmaras registraram o evento.

 

Muitos manifestaram querer apoiar o movimento, entre estes, dois advogados. Muitos moradores do Butantã desconheciam a Fonte e se surpreenderam com o que viram.

 

 

 

 

durante todo o dia houveram visitações à Fonte

 

nnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnn

mesmo com chuva que caiu à tarde, o público deixou de participar

 

 

 

dia 13

 

O vereador Chico Macena apresentou à Comissão de Políticas Urbanas da Câmara Municipal de São Paulo, pedido para a realização de uma Audiência Pública para pedir esclarecimentos ao Poder Executivo. Dinho, Cecília e Roberta, estavam no Plenário Prestes Maia para o caso de ser  necessário defender a necessidade desta Audiência Pública. Mas não foi necessário, a Mesa aceitou a solicitação unanimimente,, apenas pediu que se acrescentasse o CONPRESP à relação de instituições a serem chamadas para comparecer (Subprefeitura do Butantã, SMC, SVMA, SMDU, SMNJ, SME, e SMF).

A Audiência Pública ficou agendada para o dia 08/06, na Câmara Municipal. dia 13, reunião CADES-BT.

 

Dias 15, 18 e 19

 

Registro da Ata da nova diretoria eleita em 27/03.

 

Regularização do cadastro bancário do Banco do Brasil

 

(ambas as tarefas acima foram trabalhosas, difíceis e demoradas para resolver)

 

Dias 18, 21 e 23/05, sábado de aleluia,

 

Embora dia 23 fosse Festa de Bumba Meu Boi (nascimento do boi), ficamos trabalhando na prestação financeira dos meses dezembro e janeiro.

 

Dia 19

 

Ciça e Roberta foram à Fundação Memorial da América Latina fazer a inscrição para o curso “A Estrada Real e o Peabiru: caminhos ancestrais brasileiros”.

 

Dia 27

 

reunião do GT pesquisa, das 15:30 às 18h, para coordenação da equipe

 

Das 19 às 22hs, reunião geral, com os integrantes do projeto e voluntários da comunidade, para avaliação do evento ManiFestAção do dia 10 de abril. (muito importante esta avaliação, pois vários problemas ocorridos nos bastidores foram esclarecidos)

 

Dia 29

 

Tentativa de inscrição na Expedição Multimídia Rio Pinheiros Vivo!, da entidade Águas Claras do Rio Pinheiros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

GT TEATRO

No mês de abril continuaram acontecendo as oficinas artísticas na Escola Estadual Alberto Torres, no horário de 12:00 às 15:00 horas, às quartas e sextas-feiras, cujas listas de presença estão anexadas.

O grupo participou com uma performance/intervenção teatral no evento do dia 10/04/2011(Manifestação em Defesa da Fonte).

Além das oficinas, o grupo responsável pela realização do espetáculo participou também das reuniões gerais convocadas para a realização do projeto.

Nelson Conde representou nosso  projeto participando do II World Café FEMA 7 realizado na UMAPAZ, em 11/04/2011, das 14 às 17hs.

Dos três locais que faltam ser definidos, ainda devemos escolher entre EMEF Amorim Lima, Pracinha do Morro do Querosene, Casa de Cultura do Butantã, CEU Jaguaré, Galeria Olido, Páteo do Colégio, Centro Cultural da Juventude, Núcleo Bartolomeu, Teatro da Vila,  Centro Cultural Rio Verde, Teatro Querô e SESC Pinheiros.

Segue, abaixo relatório das atividades realizadas nas oficinas artísticas:

01/04/2011

Oficina coordenada por Caco Pontes

-        Nesta data foi desenvolvido coletivamente o roteiro da performance  a ser apresentada na “ManiFestAção em Defesa da Fonte”, dia 10/04/2011:  o grupo optou por um cortejo cênico com lavadeiras entoando cânticos tradicionais acompanhados por instrumentos musicais, enquanto dirigiam-se à fonte, contemplando-a, lavando as roupas e purificando-se com a água limpa e cristalina.

 

06/04/2011

Oficina coordenada por Caco Pontes

-        Exercícios corporais e vocais de aquecimento.

-        Ensaio para a performance da fonte:  continuação do desenvolvimento do roteiro desenhado no encontro anterior, descobrindo novos elementos, assumindo a presença de alguns personagens que irão compôr o espetáculo “Peabiru, o caminho suave”, tais como o Jesuíta, o Indio e o Bandeirante que, em desdobramento estético, chegou à figura contemporânea de monopolizador e explorador do bem natural representado pela fonte.  Como encerramento desta intervenção teatral, foi definida uma roda de Hip Hop, em que se confrontavam o Indio e o Jesuíta, simulando um ringue de luta, buscando a gestualidade e expressão características dos respectivos personagens.

 

08/04/2011

Oficina coordenada por Caco Pontes

-        Ensaio Geral do ato a ser apresentado na ManiFestAção em Defesa da Fonte, incluindo a participação especial do convidado Luan de Jesus, como MC, entoando cântico ancestral dos negros para embalar a roda no desfecho do ritual.

-        Dinho Nascimento e Caco Pontes desenvolveram a trilha sonora na levada dos tambores, dando o ritmo da performance.

-        Foram definidas as últimas marcações para a apresentação.

 

10/04/2011

Participação na “ManiFestAção em Defesa da Fonte”

-        Nelson Conde e Paulo Almeida foram os mestres de cerimônia do evento que aconteceu das 10 às 22 horas, nas imediações da Travessa da Fonte, como atividade auto-gestionada do Forum Social de São Paulo.

-        Apresentação da performance teatral do Grupo de Teatro “Peabiru, o caminho suave” às 17hs.

-        Participação do grupo na realização do evento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

13/04/2011

Oficina conduzida por Paulo Almeida

-        Avaliação da intervenção teatral feita na Manifestação em Defesa da Fonte, em 10/04/2011

-        Propostas/conversas para o espetáculo

-        Aquecimento corporal

-        Exercício para construção do personagem

 

15/04/2011

Oficina conduzida por Paulo Almeida

-        Aquecimento corporal

-        Aquecimento vocal

-        Roda de conversa

-        Exercícios de improvisação para construção de cenas e personagens

 

20/04/2011

Oficina coordenada por Caco Pontes

-        Roda de conversa com feed-back de alguns elementos referentes à apresentação realizada pelo grupo, durante o evento do dia 10.

-        Foram aplicados exercícios de relaxamento, meditação e alongamento, em conexão com a natureza, no jardim externo da escola.

-        A partir da divisão em 2 grupos, foram propostos jogos e dinâmicas do fichário de Viola Spolin, como a reprodução dos ambientes “Selva” e  “Estação de Metrô”, seguido de experimentação dramática com  cada integrante escrevendo 7 palavras que foram inseridas num saco plástico e, após sorteio, desenvolvidas duas cenas  apresentadas no final da oficina, explorando a narração e o trabalho corporal.

 

27/04/2011

Oficina conduzida por Paulo Almeida

-        Discussão conceitual do espetáculo e levantamento de elementos necessários para o mesmo

-        Exercício de texto e oralidade

 

29/04/2011

Oficina conduzida por Paulo Almeida

-        Aquecimento Corporal

-        Cenas com musicalização

-        Improviso (transeuntes na Paulista)

 

 

 

 

GT WEB-SITE

 

 

Neste mês de abril, o web-site www.fontedopeabiru.com.br foi necessário para comunicar a ManiFestAção em Defesa da Fonte: proposta, programação de shows, como chegar, como entrar em contato.

 

Passada a festa, imediatamente fui publicado uma avaliação e os links para os artigos publicados na mídia, como o texto de Raquel Rolnik.

 

Tudo isto ainda está no ar (e deverá ficar, embora não  mais como a home-page)

 

Em arquitetura word-press criamos uma nova página – a Rua da Fonte (que deverá conter o dossiê de mesmo nome).

 

Visite www.fontedopeabiru.com.br e deixe seus comentários.

 

 

GT Simpósio

A Vani colaborou, arduamente, na concepção e realização da ManiFestAção.

 

Neste mês, não foram desenvolvidas ações específicas para o simpósio “Juntos no Peabiru), a não ser o acompanhamento das ações da pesquisa, do teatro e do web-site.

16 Responses to Abril 2011

  1. ????? ?????? says:

    Fantastic goods from you, man. Ive study your stuff ahead of and youre just as well amazing. I enjoy what youve got right here, adore what youre stating and the way you say it. You make it entertaining and you even now manage to help keep it wise. I cant wait to go through additional from you. That is really an incredible weblog.

  2. dubai escort says:

    É o melhor momento para fazer alguns planos para o futuro e é tempo de ser feliz. Eu li este post e se eu pudesse eu gostaria de sugerir -lhe algumas coisas interessantes ou dicas . Talvez você poderia escrever próximos artigos referentes a este artigo. Eu desejo de ler mais coisas sobre ele! relação

  3. Só tenho uma conta no Blogger , ele funciona bem, mas como faço para encontrar usuários de diferentes blogs que gosto com a pesquisa. Lembro-me que há uma maneira , mas eu não estou vendo isso agora. Obrigado pela vossa ajuda .. Desejo-lhe sorte

  4. Meu objetivo aqui é ligar as entradas de blog WordPress para um quadro em um site pessoal. Então, eu quero apenas as entradas de blog para aparecer, mas nenhuma das barras de menu ou outras coisas associadas com o wordpress apenas o que foi publicado. Eu sei que o wordpress é feito em PHP, portanto, eu estava me perguntando se alguém sabia os detalhes da codificação e como eu iria fazer isso .. . Obrigado! . abraço!

  5. Este artículo es digno de marcar en mi opinión. Vale la pena ahorrar para futuras referencias. Es una lectura fascinante, con muchos puntos válidos para la contemplación. Tengo que coincidir en casi todos los puntos hechos en este artículo.

  6. Matchless topic, it is very interesting to me )))) tHANKS http://www.fontedopeabiru.com.br tEAM

  7. In line with my study, after a the foreclosure home is marketed at a sale, it is common for that borrower in order to still have some sort ofthat remaining balance on the mortgage. There are many lenders who aim to have all service fees and liens paid back by the up coming buyer. Having said that, depending on specified programs, restrictions, and state guidelines there may be some loans that are not easily resolved through the switch of personal loans. Therefore, the duty still rests on the borrower that has acquired his or her property in foreclosure process. Many thanks sharing your ideas on this blog.

  8. Congratulations on having one of the most sophisticated blogs I’ve came across in some time! Its just incredible how much you can take away from something simply because of how visually beautiful it is. Youve put together a great blog space great graphics, videos, layout. http://www.fontedopeabiru.com.br is definitely a must-see blog!

  9. paris franxe says:

    Heads Up We simply love your marvelous site thanks and please continue it

  10. Howdy! I know this is kinda off topic however , I?d figured I?d ask. Would you be interested in exchanging links or maybe guest authoring a blog post or vice-versa? My website goes over a lot of the same topics as yours and I believe we could greatly benefit from each other. If you are interested feel free to shoot me an email. I look forward to hearing from you! Wonderful blog by the way!

  11. escourts says:

    My neighbor and I had been just debating this issue, he?s generally seeking to show me wrong. Your view on this is fantastic and exactly how I truly feel. I just now sent him this website to demonstrate him your opinion. After looking over your site I book-marked and will be back to read your new posts!

  12. I would like to thnkx for your efforts you?ve set in creating this web site. I?m hoping the same high-grade weblog publish from you in the upcoming as well. In fact your creative producing abilities has inspired me to acquire my own website now. Actually the running a blog is spreading its wings quickly. Your write up can be a great example of it.

  13. cecilia says:

    Can you send me messages by facebook? Cecilia Pellegrini is my name.